CroPoesias – Poesias, Crônicas e Contos

Meu coração é seu altar – poesia

altar

VISITE MEU

Quando nos encontramos com o Deus vivo, Nosso Senhor Jesus Cristo, é fato ímpar na vida de qualquer pessoa. Encontrar-se espiritualmente com o Filho do Criador, Aquele que veio a Terra para nos salvar da destruição e maldição eterna é algo espantoso, sobrenatural.

Mas aí você que está lendo-me pode dizer: “Mas não temos contato com Jesus verdadeiramente…”, sinto lhe dizer, mas quando conhecemos Jesus Cristo, quando verdadeiramente nos entregamos a Ele, a Palavra de seu Pai e começamos a seguir seus mandamentos e estatutos, a verdade da vida nos é revelada, e isso é algo impossível de se expressar por palavras ou gestos.

Quando fazemos de nosso coração seu altar significa recebe-lo integralmente, submeter-se a seus mandamentos e estatutos. É fácil? De maneira nenhuma! Porém seguir a Jesus Cristo é ver a vida de uma forma muito diferente e passar a ter acesso irrestrito ao plano da felicidade, da liberdade e do amor eterno.

Meu coração é seu altar

Tantos são os caminhos que se apresentam diante de mim

Todos muito diversos em suas naturezas e divergentes direções

São tão fortes as suas influências e prazeres, ah prazeres sem fim

Que seduzem meus olhos, minha boca e meu íntimo, tantas tentações

 

Confuso, fui leviano e entreguei-me ao ardor do prazer e da devassidão

Porém eu não sabia do maravilhoso concerto que tu havias feito comigo

Livrando-me da escravidão do maligno, após me dirigir ao caminho da retidão

Ser andarilho na verdade, realmente feliz e totalmente livre da opressão do inimigo

 

Peço-te meu Deus vivo, invada-me o coração e purifique-o com o teu amor

Meu coração é seu altar, torne-o ungido e consagre-o aos seus nobres mandamentos

Assim te imploro por que não quero servir ao homem do braseiro, não a esse senhor

Quero ser teu servo, beber leite e mel na eternidade, seguindo os teus sacramentos

 

Faça de meu coração seu altar, onde tu possas ser glorificado e muito louvado

Por mim, que sou tão pequeno diante das maravilhas que tu criaste no universo

Quero te louvar e adorar, tu que por mim derramaste teu sangue e foi crucificado

Injustamente por soldados do mal, que eternamente arderão no fogo com o perverso

Robert Thomaz

Você também pode gostar dessa poesia:

“Desejo e razão”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.